Juscelino Joao Venancio

Endereço:
Estrada Geral de Barreiro
Pescaria Brava, Santa Catarina 88.798-000
Brasil
fone:
ver fone48 3646 2061
celular:
ver celular48 9916 5683

Descrição

O auxiliar de produção aposentado, Juscelino João Venâncio, nasceu em Barreiros, em 4 de agosto de 1955, na época, município de Laguna. Filho de João Manoel Venâncio (In Memórian) e Francisca Maria Venâncio é casado com Claudeci Abreu Venâncio, com quem tem dois filhos. Jonas e Joelma.
Desde cedo começou a trabalhar junto dos pais e se dedicou a agricultura e a pesca, até os 17 anos, quando foi para Laguna trabalhar como vendedor de doces e salgados pelas ruas da praça até completar 18 anos. Após completar maior idade, conseguiu seu primeiro emprego, na Nativa Redes Elétricas, onde atuou por dois anos. Em 1975, mudou para Criciúma. Lá trabalhou no processo de mudança da estrada de ferro Dona Tereza Cristina, quando o trilho que passava na Avenida Centenário foi levado para fora da área central da cidade.
Sua história foi construída por meio de muito trabalho. Desta forma, teve passagens na extinta cerâmica Cesaca. Na EMEC, em Tubarão, na Carbonífera Metropolitana anos depois quando voltou para Criciúma e na Rofel, que marcou seu retorno para a cidade Azul. A partir de 1985, ingressou na Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola (CIDASC), onde permaneceu até 1997, quando assumiu como assessor do Secretário de Agricultura do município até 2000. Nesta época teve rápida passagem pela empresa A. Lemos, de Caxias do Sul e em seguida, na Arnaldo Correia, em Tubarão.
Um ano depois retornou a Prefeitura de Laguna já concursado, habilitado para atuar como motorista de veículos pesados. Dois anos depois, conquistou aprovação em novo concurso, desta vez na Companhia de Águas e Saneamento (Casan), sendo o primeiro colocado no concurso em sua área, como operador de equipamentos pesados. Em 2009, foi chefe do setor operacional da Regional de Laguna da Casan, onde permaneceu até 2011, conquistando aposentadoria em março de 2012.
Mesmo trabalhando em várias cidades, Juscelino, conhecido popularmente por Lino, nunca deixou de residir em sua terra natal. Sempre esteve presente nos eventos da comunidade, onde exerceu sua liderança atuando nos eventos sociais e esportivos. Nunca mediu esforços para obter sucesso nas atividades da igreja, promovidos em prol da capela de São Sebastião, em Barreiros.
Lino foi sócio fundador do Centro Comunitário, foi jogador de futebol e durante muitos anos o presidente da Sociedade Esportiva Barreiros.
De família tradicional do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), Juscelino teve sua liderança na comunidade identificada logo cedo pelos próprios moradores. Após sofrer perseguições políticas, a partir de 1997, buscou uma nova ideologia e ingressou no Partido Progressista (PP), sigla da qual é o vice – presidente no novo município de Pescaria Brava.
Teve participação efetiva no processo de emancipação política de Pescaria, na criação do novo município. Mesmo não tendo seu nome na Comissão de Emancipação, fez parte da luta em vários eventos realizados em Florianópolis. Diante disso, Lino tem como expectativa neste processo de mudança pelo qual sua comunidade vem passando, que seja oferecido aos habitantes da mesma e das próximas gerações, uma vida melhor, com maior expectativa.